Ente

Do não escritor quase coisa.

Persona

Nome: Leonardo Triandopolis Vieira

Nascimento: 11/11/1985

Residente em: Campo Grande, MS - Brasil

Tábula rasa: Um não-escritor, um meta-artista, um quase-coisa. Arrevesso ao mainstream da carne putrefata, seu alimento é a poesia da fruta cheia de vida: a palavra.

Monismo

Desestruturalista

A palavra (símbolo paraabstrato), seja ela qual for, como a mônada da criação artística; e a subversão narrativa, como o princípio demiurgíco da profanação estética: síntese dionisíaca.
Para o Monismo Desestruturalista, o texto deve ser possuído sempre em movimento. A ferramenta desestruturante das formas hegemônicas de narrativas, bem como desestruturante de si - mônada demiurgo: etimofágica.
.Um em zero
.Zero em um
.Zerum e/ou umero
...E/ou
Ad infinitum

Academicismos

  • Licenciatura em Música (UFMS)

  • Terapeuta Ayurveda (ABRA)

  • Massagista (SENAC)

Atuações pretéritas

  • Professor de Música (Prefeitura de Campo Grande - MS)

  • Massagista (Autônomo)

  • Editor de livros (Editora Alvorada)

  • Editor de livros (EU Editora)

Liber Imago

Alguns registros fotográficos de um não escritor.

Jair Damasceno

Leitura e entrega do monólogo escrito para o ator e diretor Jair Damasceno.

1/15

© 2020 por Leonardo T. Vieira.

Campo Grande, MS. Brasil.